Aromas do vinho: conhecendo mais suas características

Aromas do vinho: conhecendo mais suas características

Já ouviu falar sobre os mais diversos aromas que os vinhos exalam, mas não sabe ao certo como apreciar esse buquê na hora da degustação? Vem com a gente que é #SemErro: hoje te ensinaremos mais sobre os aromas do vinho e suas características.

Os aromas revelados no vinho são parte crucial de sua personalidade. Agora, se você tenta completar essa etapa e não consegue desassociar os aromas do cheiro de álcool, não se preocupe – isso é mais comum do que imagina!

Sentir o aroma do vinho vai depender da sua bagagem olfativa, que é aquilo que faz com que a gente reconheça um aroma. Por exemplo: quem cresceu no campo vai ter uma vantagem na hora de interpretar o aspecto herbáceo de um Sauvignon Blanc.

Cada pedaço de terra tem características únicas, que fazem com que os vinhos da região também sejam únicos em seus aromas e sabores, mas outros fatores também podem influenciar no aroma. Um Pinot da Borgonha, por exemplo, pode adquirir notas de baunilha, além das de frutas vermelhas, se passar um tempo em barricas de carvalho.

 

Por dentro da classificação dos aromas dos vinhos

Ainda está muito complicado? Então vamos facilitar – e para isso, temos as classificações dos aromas:

1) Os considerados primários são aromas naturais da uva, como, por exemplo:
Frutas secas
Especiarias, típicas de uvas como a Syrah;
Flores, que nos lembram os Torrontés argentinos;

2) Os chamados secundários são aromas de:
Baunilha, cravo-da-índia e chocolate, por exemplo, que nascem após o estágio em madeira.

3) Por fim, os terciários são aqueles mais intensos, como:
– Frutos secos
– Notas terrosas
– Couro

Não existe uma regra se tratando de aromas em vinhos. Você vai reconhecer aqueles que lhe são familiares e está tudo bem, #SemStress. Mas saiba que nunca é tarde para expandir a sua memória olfativa, viu?

Se quiser saber mais sobre os aromas específicos de cada vinho, é só checar nossa categoria de uvas. Temos muitas dicas que com certeza irão te ajudar a conhecê-las melhor!

E aí, está pronto para explorar cada vez mais as experiências sensoriais que um vinho pode proporcionar? Conte para a gente aqui nos comentários o que achou! Vamos adorar saber mais sobre essa sua experiência nova. 😉