Já pensou em poder tomar vinho em qualquer lugar sem precisar de taça e saca-rolhas?

Vinho em lata: saiba tudo sobre esse novo jeito de tomar vinho

O mundo do vinho é cheio de tradições e costumes históricos, mas também é um mundo que se renova com o passar do tempo. Guardar bem o vinho, tirar a poeirinha da garrafa, abrir a garrafa com o saca-rolhas, separar as  taças. Muitos desses costumes tornam o vinho tão atraente e fantástico, mas as novidades também são de aguçar a curiosidade de todo enofã. Falando nisso, você já conhece o vinho em lata?

O vinho em lata no Brasil e no mundo

Na Europa e em países como Austrália e Nova Zelândia, o vinho de lata já é sucesso entre os consumidores da bebida. Nos Estados Unidos, produtores do Oregon começaram a investir no formato em 2018 e o sucesso foi notável. Mas, como conta o sommelier e jornalista Eduardo Dingler na Decanter, a famosa vinícola do cineasta Francis Ford Coppola lançou um primeiro exemplar em lata ainda em 2004 de um espumante Blanc de Blancs (100% Chardonnay).

 

A empresa pioneira a trazer a novidade às prateleiras do Brasil foi a Vivant Wines, com o intuito de abraçar uma tendência crescente no país: a do consumo de vinhos pelo público jovem. Segundo uma consultoria especializada no assunto, a Wine Intelligence, o consumo de vinho aumenta ano após ano entre os jovens de 21 a 35 anos , principalmente com os rótulos de forte apelo visual.

Apostando no formato, a Evino lançou em setembro a sua primeira marca própria: Vibra!, que teve como objetivo criar uma versão brasileira e tropical do vinho em lata.

Mas será que a lata interfere no gosto do vinho?

A resposta é: não! “A diferença de um vinho engarrafado e um vinho em lata é nula”, explica a sommelière da Evino Jessica Marinzeck, eleita em 2019 como um dos 50 nomes para o futuro do mundo do vinho pelas instituições WSET e IWSC, em nosso canal do Youtube. As latas são revestidas internamente justamente para preservar o frescor e as características da bebida.

Temos que alinhar as expectativas: são vinhos mais jovens, prontos para beber. Não são bebidas de guarda, e sim vinhos ricos em perfume e sabor de fruta, frescos, feitos para momentos leves e descontraídos. E além de uma degustação simples, o vinho enlatado promove também uma reciclagem mais simples que a das garrafas de vidro.

Além disso, as latas são menores e rapidamente refrigeradas. Podem estar em baldes de gelo em festas, piqueniques; podem ser transportadas em pequenas bolsas térmicas a parques, shows e outros ambientes nos quais o vidro é proibido ou de difícil transporte.

E quem não gosta de beber um vinho sozinho? Com os vinhos na lata é fácil consumir doses menores, como uma ou duas taças para descontrair, sem se preocupar com o restante da garrafa.

Conheça Vibra!, o vinho em lata da Evino

Vendo o sucesso do vinho de lata em outros lugares do mundo, a Evino apostou em criar uma marca própria que fosse a cara do Brasil.

Vibra!, uma brincadeira entre as palavras Vinho + Brasil, representa a variedade de um país rico em culturas, temperos, ritmos e climas. Os nossos sabores, nossas paisagens, tudo isso faz com que os nossos sentidos vibrem, assim como quando abrimos uma lata de vinho e sentimos um delicioso perfume de fruta.

Latas e mochila do vinho Vibra! da Evino

A seleção conta com 4 tipos: vinho tinto, rosé, branco e espumante. Elaborados pela vinícola Góes, são vinhos feitos a partir das uvas Cabernet Sauvignon (tinto), Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e outras (rosé), Lorena (Branco) e Prosecco (espumante). Cada Vibra! sai por R$12,90, e você pode encontrá-los lá no nosso site!*

*Sujeito a alteração de estoque

Com o que harmonizar o meu vinho em lata? Confira as dicas da nossa especialista Jessica Marinzeck:

Com aromas de lima da pérsia e acidez refrescante, Vibra! Espumante se garante sozinho, mas também é uma boa harmonização para pratos com bastante acidez. “Um ceviche, por exemplo”, diz Jessica.

Já o vinho branco Vibra! tem notas de lichia e pêra. É uma opção simples e refrescante que harmoniza muito com entradas e pratos vegetarianos mais leves. A sugestão da nossa sommelière é uma quiche lorraine.

A versão rosé é mais encorpada em boca e bastante frutada, uma opção deliciosa para harmonizar com steak tartare, peixes brancos e molhos como o rosé.

Agora o Vibra! Tinto, o exemplar que mais desperta a curiosidade dos fãs de vinho, tem perfume de ameixa e frutas vermelhas e combina com carnes magras e queijos. Se quiser inovar, aposte na sugestão de dar água na boca da Jessica: caldinho de feijão e um vinho em lata!

Ficou com vontade de experimentar? Fique de olho na Evino e garanta a sua coleção Vibra! Aproveite o cupom DICASBLOG e garanta 10% de desconto na sua primeira compra com a gente.