DIA DO VINHO: Dicas de como apreciar a nossa bebida favorita

Ah, o vinho! Conhecida como “a bebida de Baco” ou a “bebida dos deuses”, é um líquido que possui séculos de existência e carrega consigo muita história para contar: de tradições familiares passadas de geração em geração, à tipicidade de cada país e seus respectivos terroirs, costumes à mesa, métodos ancestrais de produção e por aí vai.

Algumas palavras podem parecer difíceis, mas lembre-se de que estamos aqui para descomplicar o mundo do vinho. 😉 

Não há dúvidas de que o vinho é a nossa bebida favorita e, hoje vamos contar para você um pouco mais sobre o Dia do Vinho no Brasil e ainda te dar algumas dicas para degustar sem erro. Vem com a gente! 

UM POUCO DE HISTÓRIA

A história do vinho no Brasil começou há muito tempo atrás, na época em que os portugueses desembarcaram no país. Nesse momento, a bebida já tinha uma produção e um consumo consolidados por toda a Europa. Além da tripulação portuguesa, o famigerado líquido também desembarcou em nosso país: estima-se que foram 65 mil litros!

O vinho era utilizado para cozinhar, higienizar alimentos e, claro, animar os tripulantes que embarcavam mar adentro para explorar e “descobrir” novas terras, sem contar a eucaristia da Igreja Católica. 

Apesar de ter chegado ao país anos antes, foi somente em 1640 que a Câmara Municipal de São Paulo passou a padronizar a qualidade e os valores dos vinhos, que nessa época, já eram produzidos em solos brasileiros na vinícola de Tatuapé, que aumentava cada vez mais seu cultivo em direção a Mogi das Cruzes.

A indústria vinícola brasileira se desenvolveu de forma mais lenta em comparação a outros países e enfrentou muitos desafios, dentre eles: o clima mais quente e úmido em comparação aos países de origem das videiras, as inúmeras doenças fúngicas da época e o gerenciamento primitivo das videiras.

O COMEÇO DA INDÚSTRIA

Apesar dos desafios, anos e anos mais tarde, no início século XX, os métodos de produção já haviam progredido de forma significativa, principalmente com a chegada de vinhas mais resistentes ao calor tropical. Nessa mesma época, se estabelecia a produção na Serra Gaúcha, principalmente por famílias de origem italiana recém imigradas, que contribuíram com vinhas da região do Vêneto

Partindo para a atualidade, o século XXI se mostrou mais otimista para o país, tendo a safra de 1999 consideradas uma das melhores produzidas até então. As vinícolas que estão presentes na Serra Gaúcha receberam o direito de ter um selo de identificação de procedência geográfica, concedido pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). E falando na célebre Serra Gaúcha, é em Bento Gonçalves, coração da região, que o Dia do Vinho é comemorado no Brasil. 

07 DE JUNHO: O DIA DO VINHO

O Dia do Vinho é resultado de um projeto fomentado pelo Ministério do Turismo em parceria com a Fundaparque e SEGH (Sindicato Empresarial de Gastronomia e Hotelaria Região Uva e Vinho). A realização do evento conta com duas semanas (geralmente do fim de maio até a primeira semana de junho) de intensa programação enoturística, para que a população possa aproveitar passeios em vinícolas, hotéis, restaurantes e outros atrativos turísticos.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a jornada do vinho no Brasil e o Dia do Vinho, vamos para a melhor parte: brindar. Pegue suas taças e venha com a gente!

VAMOS DEGUSTAR?

Só de pensar em vinho já dá uma água na boca, não é mesmo? Está em dúvida de qual é o próximo vinho que vai abrir ou comprar? Não se preocupa que a gente facilita: 

1. PARA OS FÃS DO VELHO MUNDO

Portada é um dos nossos maiores sucessos nos últimos tempos e não poderia ficar de fora dessa lista. Assinado pelo renomado produtor José Neiva Correia, a versão Reserva do Portada Winemakers  entrega muita persistência e aromas e sabores complexos, agregados ao vinho devido ao seu estágio em barricas. É a pedida perfeita para harmonizar com carnes assadas ou aperitivos.

Quando o assunto é “bestseller”, é impossível não pensar no queridinho Ziobaffa! Fruto da amizade entre o enólogo Piergiorgio Castellani, o cineasta Jason Baffa e o surfista Chris Del Moro, foi elaborado sob a filosofia da sustentabilidade e preservação, é vegano e feito com uvas orgânicas de Sangiovese e Syrah. Que tal para harmonizar com uma lasanha à bolonhesa?

       

*Sujeito à alteração de estoque.

2. PARA OS FÃS DO NOVO MUNDO

Aurea Winemaker Selection foi criado com intuito de levar os sabores do Maule, um dos vales mais famosos e emblemáticos do Chile, para taças do mundo todo. Tenha certeza de que essa é a pedida ideal para harmonizar com pizzas ou com o churrasco do fim de semana.

Que a Cabernet Sauvignon é a rainha das uvas tintas a gente já sabe. A novidade é que em Expedicion essa célebre uva apresenta toda a tipicidade do Valle Central, desde os goles encorpados até os aromas frutados. Pode apostar nesse tinto para uma perfeita harmonização com uma carne de porco assada. 

     

*Sujeito à alteração de estoque.

3. PARA DEGUSTAR EM FAMÍLIA

Aqui, separamos a pedida perfeita para quem quer abastecer a adega e brindar em família! Você pode levar para casa o melhor do Novo e do Velho Mundo e garantir grandes sucessos do nosso portfólio como o espanhol Don Simón, o espumante branco Palacio de Cristal , um Chianti assinado pela centenária vinícola Castellani e muito mais!

       

*Sujeito à alteração de estoque.

Depois de tanta história e tantas dicas, nada melhor do que um brinde, certo? E se você é novo por aqui, aproveite o cupom DICASBLOG para ter 10% de desconto na sua primeira compra no meu app.  😉